Espécies

Ruminantes

A necessidade de garantir aos ruminantes a absorção de uma quantidade correta de nutrientes no intestino não pode desconsiderar a degradação pela microflora ruminal. Por mais de 30 anos, nossas pesquisas científicas têm como objetivo melhorar o bypass ruminal para que uma menor concentração de ingredientes ativos na dieta leve à maximização do desempenho.

AviPremium®

AviPremium® é uma gama completa de produtos com base em tributirina, um triglicérido de ácido butírico que ajuda a manter a integridade da mucosa intestinal.

INOVADOR

A linha AviPremium® baseia-se em tributirina, um triacilglicerol de ácido butírico (Reg UE 1831/2003;. FDA 21 CFR 184,1903).

Tributirina é o derivado mais concentrado de ácido butírico no mercado. A tributirina em AviPremium® é mais estável e tem características organolépticas superiores do que do ácido butírico.

A linha AviPremium® é uma alternativa para Na-butirato.

Em AviPremium®, o ácido butírico a partir de tributirina é quimicamente protegido e entregue no intestino delagado e grosso onde o ácido butírico mostra ser eficaz. A esterificação com glicerol permite que a liberação do ácido butírico ocorra no intestino, devido à ação das lipases pancreáticas. A microencapsulação de AviPremium® permite outras vantagens e eficácia a nível intestinal.

PRODUTOS EXCLUSIVOS

A gama completa de produtos é composta por:

AviPremium® L, fonte de tributirina líquida (85% de ácido butírico). AviPremium® D, fonte concentrada de tributirina em forma de pó (55% de ácido butírico). AviPremium® S and P , fonte de tributirina microencapsulada numa matriz lípidica desenvolvida de acordo com as caracteríticas digestivas de suínos e aves, respectivamente (25%de ácido butírico).

Últimos artigos da sala de imprensa

  • Ruminantes

    Rumen-protected methionine: a boost for primiparous dairy cows performance

    Methionine is considered the most limiting essential amino acid for ruminants (Schwab & Broderick, 2017). This element has a pivotal role in their productive performance and nitrogen efficiency.
  • Organic acid and plant botanical supplementation in heat-stressed Holstein calves

    Our findings in Holstein calves are early evidence that dietary microencapsulated OA/PB feeding is a means to partially restore feed intake and average daily gain post-weaning when challenged by heat exposure.
  • Effects of heat stress and dietary organic acids and botanicals on hepatic one-carbon metabolism

    Heat stress develops with methyl donor deficiency in parallel with an impaired N metabolism. The supplementation of OA/PB improves the remethylation capacity in the liver. On-going transcriptomic analyses will provide a better understanding of the hepatic metabolism of dairy cows exposed to heat stress.